quarta-feira, 1 de abril de 2009

Uma Obsessão Indecente, de Colleen McCullough



Não gostei muito, é assim a dar para o chatinhooooooooooooo, basicamente não grande ha desenrolar nem desenvolvimento é muito parado, e ….. bem nem sei como descrever acho que chatinho é mesmo o melhor termo


Sinopse
Cinco homens e uma mulher ocupam um pavilhão isolado de um hospital militar algures numa ilha do Pacífico, no fim da Segunda Guerra Mundial.
Cinco homens marcados por longos e dolorosos anos de guerra e uma mulher, Honour Langtry – a enfermeira que os assiste e representa para todos a família ausente.
A esse pequeno mundo, que vive um equilíbrio precário, chega um elemento inesperado: Michael Wilson, um sargento cheio de condecorações e que, ao contrário dos outros, parece perfeitamente «intacto».
Na verdade, é isso que o torna uma ameaça para os seus companheiros, todos eles, em graus diferentes, psiquicamente afectados.
Por algum tempo, a enfermeira Langtry convence-se de que tudo irá decorrer normalmente já que Michael, depois de uma integração difícil, começa a ser aceite pelos outros, o que é uma ilusão tanto mais perigosa quanto o seu crescente envolvimento amoroso com Michael se reflecte negativamente sobre o comportamento daqueles homens há muito tempo privados de mulheres.
Michael Wilson torna-se assim, sem querer, o catalisador do ciúme, das paixões, da violência, da intriga e inevitavelmente, da tragédia!
Colleen McCullough neste seu novo romance disseca, num clima tenso e cheio de emoção, os mais simples sentimentos humanos e os dilemas morais mais difíceis.

6 comentários:

Sopa de Letras disse...

entao nem o vou por na lista ....vou começar a ler ! a concubina Russa " depois digo qq coisa

Eu mesma! disse...

Não aprecio a escritora....

Paulo Costa disse...

Com todo o respeito, permita-me que discorde da sua opinião. Se diz que "Uma Obsessão Indecente" da escritora Colleen McCullough é chatinho, não deve assimilar bem a leitura... Já leu os "Pássaros Feridos" da mesma autora, entre outros? Se não entende, não diga mal. Veja desenhos animados... Com os meus respeitosos cumprimentos, Paulo Costa

Minhoca disse...

Sopinha:

Deste de facto não gostei

Minhoca disse...

Eu mesma:

Para te dizer a verdade eu ate so fui ler porque ja tinha lido outro e tinha gostado muito, mas este não gostei

Minhoca disse...

Paulo:

Lamento mas não gosto de desenhos animados :)